domingo, 12 de agosto de 2012

Pequenos Jardins



Nos dias de hoje, os ambientes estão cada vez menores. Mas sem dúvida nenhuma, as plantas trazem vida e alegram qualquer local. Que tal algumas dicas de como cultivá-las em pequenos espaços?  
Sabemos que como seres vivos, as plantas necessitam de cuidados para crescerem, florescerem e frutificarem. Assim, além de ter um solo fértil, necessitam de um mínimo de ventilação, luminosidade, rega, adubação, poda e controle de pragas.




                      
Criar composições e valorizar pontos focais cria um jardim interessante e confere destaque à residência.   



Cuidados Necessários

Para que uma planta cresça viçosa, dois cuidados são imprescindíveis: a terra e a drenagem. O melhor é usar terra adubada que vem pronta para ser usada, pois a vegetal pura geralmente forma torrões ou empedra. Para a drenagem, além da argila expandida no fundo do vaso, deve-se colocar uma manta de bidim sobre a argila, retendo, desta maneira, a terra nas raízes das plantas (bidim é uma manta de poliéster que separa a terra da argila, facilitando o escoamento da água). Essa manta é vendida em lojas do ramo. Recomenda-se adubar logo após o plantio, pois a terra nova já vem fertilizada, e repetir a partir do segundo mês. Já a poda deve ser feita quando a planta estiver dando flores ou frutos .


Forrações criam desenhos interessantes (rabo-de-gato combinado com diferentes gramas).


Para que se tenha sucesso na escolha de uma planta, é bom consultar um paisagista que lhe dirá qual a melhor espécie, bem como o melhor espaço ou ambiente para ela. Ele poderá fazer um projeto completo montando um croqui com a descrição das plantas a serem compradas e os materiais que as acompanham, como vasos, cachepôs, instrumentos (regador, tesoura, garfo, pá), etc. O custo do projeto e o de sua execução irão depender do tipo e do porte das plantas, estilo e tamanho do jardim. 


 Quando se conhece a planta adquirida, fica mais fácil o trato da mesma. Algumas precisam mais de sol e vento enquanto outras preferem locais mais sombrios. As plantas de interiores com o tempo tendem a definhar por falta de luz. Por isso, recomenda-se de vez em quando, colocá-las fora de casa, no sol ou trocá-las por outras plantas.

via verde Paisagismo-Campinas-SP


 Sugestões de espécies para: jardins externos, varandas e terraços


1-Azaléia: resiste bem ao sol direto, sua floração ocorre no inverno. É uma planta resistente
2-Buxinho e forrações: ideal para criar formas, como mostrado na imagem acima. É uma planta resistente.
3-Rabo de gato: ideal para forrações, como na imagem do jardim apresentado acima
4-Alecrim: além de ornamental, pode ser usado na culinária
5-Crisântemo
6-Margarida
7-Tagetes: após sua floração, que é exuberante, tende a definhar
8-Copo de Leite rosa claro: prefere locais sombreados e úmidos (mas bem drenados)
9-Copo de Leite amarelo: prefere locais sombreados e úmidos (mas bem drenados)
10-Caladium bronze: prefere locais sombreados e úmidos
11-Orelha de Elefante: prefere locais sombreados e úmidos
12-Dietes Bicolor: chega a 70cm de altura e é perfeita para compor com muros/grades, formando linhas
13-Moraea: semelhante à Dietes Bicolor, distingue-se pela cor da flor
14-Caladium branco: prefere locais sombreados e úmidos
15-Dahlia amarela: em regiões quentes, produzirá flores quase o ano todo
16-Dahlia pompom vermelha: em regiões quentes, produzirá flores quase o ano todo
17-Agapanto azul: muito utilizada em praças, é ótima para jardins com um pouco mais de espaço. Forma grandes touceiras e precisa de sol direto
18-Agapanto branco: muito utilizada em praças, é ótima para jardins com um pouco mais de espaço. Forma grandes touceiras e precisa de sol direto
19-Strelitzia reginae, ou flor do paraíso: precisa de um jardim maior. Produz flores exuberantes.




Sugestões de espécies para: dentro de casa, terraços fechados ou jardins com sombra

1-Palmeira Areca
2-Pata-de-elefante
3-Bromélia
4-Comigo-ninguém-pode
5-Falsa cebola do Mar
6-Trevo de Quatro Folhas: ótimo para vasos e canteiros
7-Sansevieria
8-Bambu chinês da sorte: é uma planta de interior e não deve ser exposta ao sol diretamente
9-Dracena
10-Lírio da paz
11-Avenca
12-Samambaia
13-Mini Amarillis: pode ser plantada em vasos e jardins
14-Amarillis Branca: pode ser plantada em vasos e jardins
15-Freesia Perfumada
16-Rosa do Deserto: lembra um bonsai
17-Orquídea
18-Caladium Multicolor




 




Fonte: http://www.cliquearquitetura.com.br



Nenhum comentário:

Postar um comentário